Promoções

Cena Livre abre inscrições para oficinas dirigidas a crianças e adultos

As aulas ocorrerão em dois espaços culturais em Maceió, a partir do dia 16, para adultos e crianças a partir dos oito anos

27 de Julho de 2018, 13:39

O grupo Cena Livre dá início às atividades de 2017 realizando “uma versão diferenciada” das várias oficinas que realiza anualmente. De acordo com a companhia teatral, dirigida pelo casal de atores e diretores Mauro Braga e Ana Sofia Oliveira, dessa vez, será percorrido “o universo imaginário do eu vivendo em coletivo”. Serão realizadas duas oficinas.

Para os adultos – em três semanas, às segundas e quartas-feiras, no horário das 18h30 às 21h30, a partir do dia 16 – ocorrerá no espaço Linda Mascarenhas, à avenida Fernandes Lima, 1.047, bairro do Farol (parte alta da capital). Para a criançada a partir dos oito anos, acontecerá entre os dias 17 e 28 de janeiro, às terças-feiras, quintas e sábados, das 14h às 17h, no Museu da Imagem e do Som (o Misa), à rua Sá e Albuquerque, 275, bairro central do Jaraguá. Ao final da oficina (ao custo de R$ 160), o aluno receberá certificado. É preciso levar foto.

“Somos indivíduos pensantes e por isso participantes. O mundo globalizado é hipnotizador e prepara o ser humano para ser cópia padronizada. O ator vivencia diversas personalidades e para tanto necessita ter uma habilidade natural de encarar essas mudanças como indivíduo e em grupo”, Mauro Braga, que estreou em julho a peça “Zé Lodaro come Pano” – encarnando o personagem mítico de Sávio de Almeida, pela primeira vez dirigido pela mulher, Ana Sofia Oliveira –, justifica o propósito das oficinas.

Mauro Braga (aqui em 'Zé Lodaro'): 'A oficina serve tanto para o ator como para o não ator'

“Com exercícios e técnicas”, ele explica no press-release enviado à Redação, “os participantes vão se entrosando, através de jogos de criatividade, jogos não verbais, movimentos corporais com música (a-tua-ação), expressão vocal e improvisações, chegando até à cena em grupos.” O decano grupo Cena Livre, um dos mais importantes de Maceió e do Estado, foi fundado por um grupo de atores e diretores, entre eles Mauro Braga, em 1979.

“Uma característica a ser ressaltada é que a oficina serve tanto para o ator como para o não ator, que deseja uma melhor comunicação e autoconhecimento”, destaca a Comunicação do grupo. À reportagem do Alagoas Boreal, Braga aponta para uma nova produção. “A gente pensa, com essa oficina, montar uma peça para apresentar no segundo semestre.”

Há, também, uma versão da oficina para crianças. “Vamos buscar a descoberta do ‘sim, é possível’, encorajando e possibilitando ações, quebrando o não constantemente presente na vida dos pequenos. Asas à criatividade será a tônica dos encontros, proporcionando um constante faz-de-conta, que é próprio do mundo infantil e onde reside o espírito do teatro”, explica o ator e diretor.

As oficinas recebem apoio das rádios FM Educativa e Jovem Pan, da Secretaria de Estado da Cultura, do Misa, do food truck Tmaki, do curso Impacto, da produtora de eventos Promoover, da escola de música Casa Villa Lobos e da gráfica Poligraf. Mauro Braga avisa, ainda, que, além de novas montagens, um filme de curta-metragem será realizado no segundo semestre deste ano.

Para mais informações, ligue (82) 3033 1600 ou 9 9912 6290 (whatsapp).