Cultura

Imprensa Oficial lança em Maceió obras de poesia e literatura

São 11 livros que serão conhecidos pelo público na noite desta quarta-feira (12); banda Divina Supernova foi convidada para animar a festa gratuita

12 de Dezembro de 2018, 10:20

Da Redação

A editora Imprensa Oficial Graciliano Ramos faz o lançamento de 11 livros inéditos, vencedores do cobiçado edital “Obras Literárias 2018”. A noite de autógrafos ocorrerá no Complexo Cultural do Teatro Deodoro à rua Barão de Maceió, 375, centro da capital, nesta quarta-feira (12), às 19h, simultaneamente à condecoração “Viventes das Alagoas”, destinada, de acordo com a Imprensa Oficial, “às personalidades que contribuíram para o fortalecimento institucional da empresa”. A banda Divina Supernova foi convidada para animar a festa, que é gratuita. Na ocasião, três novos editais serão anunciados, incluindo o "Obras Literárias 2019".

“Do conjunto de 11 autores selecionados neste ano, sete realizam o sonho de publicar os primeiros livros de suas carreiras: Ana Iris Santos, Cid Brasil, Fátima Costa, Felipe Benício, João Gomes, Karen Pimentel e Natasha Tinet”, destaca o informativo enviado à Redação. “Entre os experientes estão alguns autores que já fazem parte do elenco da editora. São eles Amanda Prado, Sara Albuquerque, Sidney Wanderley e Wado.”

Patrycia: 'Vencedoras empoderadas'/ Foto/ José Feitosa/ Gazetaweb

As obras selecionadas estão divididas em quatro livros de prosa e sete de poesia. É a primeira vez que as mulheres superam o número de autores masculinos selecionados pelo edital criado em 2012.

“Foi uma grata surpresa para todos os envolvidos na organização e análise dos trabalhos inscritos", afirma a coordenadora editorial Patrycia Monteiro. "Por coincidência, todas as escritoras venceram o concurso literário com livros de poesia. Mas, quem estiver esperando livros românticos por parte dessas autoras, estilo ‘água com açúcar’, vai ficar de queixo caído, pois as vencedoras do edital são mulheres jovens, empoderadas, que trazem versos contundentes, contestadores, de forte verve irônica, cada qual com temáticas e linguagens bem distintas. É uma safra poética sofisticada, que promete arrebatar os amantes da boa poesia.”