Cultura

Festival 'Afro Mães Di(z)versas' reúne atividades da cultura afro na parte alta da capital

Evento integra o projeto "Maracatu na Comunidade', proposto e idealizado por associação de moradores e por grupo de 'resistência afro brasileira'; começa nessa quinta-feira (9) e vai até o sábado (11)

08 de Maio de 2019, 10:38

A partir das 9h dessa quinta-feira (9) até o sábado (11), o projeto “Maracatu na Comunidade – que acontece no conjunto Graciliano Ramos, na parte alta da capital – realiza o festival “Afro Mães Di(z)versas”. “O projeto foi contemplado em edital público para a formação da Rede Municipal de Pontos de Cultura, promovida pela Fundação Municipal de Ação Cultural em parceria com o Ministério da Cultura através do Plano Nacional Cultura Viva”, destaca o informativo enviado à Redação.

Rodas de capoeira estão na programação do festival

Debates sobre capoeira e oficinas de empreendedorismo, penteados e turbantes, além de shows, bumba-meu-boi e música popular constam na programação do festival. O espetáculo "Contos Afro Mães Di(z)versas" é a principal atração do sábado.

Jonathan Silva fala de empreendedorismo

“O projeto ‘Maracatu na Comunidade’ foi uma proposição da Associação Beneficente dos Moradores do Novo Jardim e idealizado pela Casa de Resistência Afro Brasileira Abassá de Angola Oyá Igbalé, que realizaram durante o período de um ano uma série de oficinas nas escolas Corintho da Paz e Gastone Beltrão”, informa o press-release. “O objetivo é fortalecer a cultura afro na região da Cidade Universitária, além de capacitar o Maracatu Raízes da Tradição, que tem como matriarca a yalorixá e mestra da cultura popular Veronildes Rodrigues, a Mãe Vera.”

Coordenado pela produtora Keka Rabelo, o projeto tem assistência de produção de Carleane Santos e assessoria de comunicação e fotografia de Josian Paulino.

Confira programação completa na página Maracatu na Comunidade, no Facebook. Acesse o perfil do projeto, também, no Instagram. Ou se informe-se ligando para os números (82) 98849 2085 e 98839 0481.