Turismo em Pauta

Impossível conhecer Lisboa e não se apaixonar

É uma cidade limpa, segura, com avenidas e ruas largas, logradouros públicos espaçosos e vários monumentos, todos bem conservados; um cenário fascinante à disposição dos nativos e turistas

13 de Maio de 2019, 09:51

Ivaldo Pinto é jornalista

Principal porta de entrada de brasileiros para a Europa, Portugal é, atualmente, um país próspero, com Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) muito elevado. Detém os melhores sistemas de saúde do mundo e é uma das nações mais globalizadas e pacíficas do planeta.

Lisboa, a capital, é a cidade mais populosa do país, com 506.892 habitantes. Porém, na Área Metropolitana da capital vivem 2. 821 milhões de pessoas (2017), o que a transforma na grande metrópole portuguesa.

É impossível conhecer a encantadora capital portuguesa e não se apaixonar. É uma cidade limpa, segura, com avenidas e ruas largas, logradouros públicos espaçosos e vários monumentos, todos bem conservados; elegantes palácios, museus, igrejas, conventos, mosteiros,  um cenário fascinante à disposição dos nativos e turistas.

A cidade, erguida sobre sete colinas, proporciona divertimentos, seja nos espetáculos que acontecem em bairros típicos, com shows de fado e exibições folclóricas, nos restaurantes elegantes e populares, que servem delícias da cozinha portuguesa e internacional, seja nos mercados públicos e nas feiras de artesanato. Lisboa é sempre uma festa.

Para nós, brasileiros, estamos em casa. Não temos problema de língua, falamos o mesmo idioma. Aliás, há muitos brasileiros na capital portuguesa: são profissionais liberais, empresários e trabalhadores que atuam em várias áreas. Há, também, pessoas de boas condições financeiras que escolheram a cidade para viver, com tranquilidade e segurança.

O Brasil descobriu Portugal. Em Lisboa, percebe-se a influência que os nossos artistas da MPB e de outros ritmos exercem sobre os portugueses. Na cidade, há rádios em FM que tocam bastante música brasileira, sem esquecer os atores e as telenovelas da Rede Globo, que fazem o maior sucesso.

A propósito, o alagoano Djavan tem apresentação marcada, para o dia 6 de novembro, no Casino Estoril, o maior da Europa, no Concelho de Cascais, a 18 km de Lisboa. Ainda na capital portuguesa, apresentação na Praça de Touros Campo Pequeno, dia 8, e no Coliseu Porto, no dia 9, na cidade do Porto.

NOTAS

Uma boa notícia para o turismo de Alagoas: Maceió está incluída no roteiro da Oceania Cruises, que acaba de abrir para vendas os novos cruzeiros da sua coleção Tropics & Exotics para 2020 e 2021. São 85 itinerários dos quais 69 totalmente novos, incluindo 13 novas viagens para Ásia e África; oito novas jornadas na América do Sul; sete cruzeiros no Pacífico e Sul e Austrália; sete jornadas transoceânicas e trinta novos cruzeiros no Caribe, Canal do Panamá e México. Uma dezena de novos portos também foram incluídos, incluindo o de Maceió, no Nordeste brasileiro; a intocada Isla de la Juventud, em Cuba, para onde estão programadas mais de vinte viagens, com pernoites em Havana, bem como visita aos portos de Cienfuegos e Santiago de Cuba.

Porto de Maceió, incluído no roteiro de cruzeiros da Oceania Cruises, em 2020

A atraente Gramado, na Serra Gaúcha, acaba de ser eleita como cidade sede da Conotel/Equipotel Regional 2021, durante a Assembleia Geral da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH-Nacional), ocorrida na sexta-feira (9) em Goiânia. Outros destinos entraram na disputa, como Belo Horizonte, São Luís, mas Gramado ganhou a disputa com 17 votos. Em segundo lugar ficaram as cidades de São Luís e Belo Horizonte, com 14 votos cada. Para o presidente da ABIH Nacional, Manoel Linhares, a entidade tem como estratégia levar o congresso e feira para outros lugares fora dos principais eixos econômicos do país, ressaltando que, no ano passado, o evento ocorreu em Fortaleza, este ano, em Goiânia, e em maio de 2020, em Salvador, estimulando, assim, o mercado de turismo e hotelaria em diversas localidades.

A atraente Gramado escolhida para sediar a Conotel/Equipotel Regional 2021

A cidade de Palmeira dos Índios, no Agreste alagoano, distante 134,8 km de Maceió, ganha uma atração turística de peso. Trata-se de do monumento do Cristo Redentor, localizado alto da Serra do Goiti, de onde se vislumbra um belo pôr do sol e uma indescritível vista panorâmica da cidade. O espaço foi revitalizado pela Prefeitura local e oferece opções de lazer para a população, com praça de alimentação e atrações musicais e artísticas. No local foi construído um restaurante, mas ainda não está em funcionando, o que será mais uma opção gastronômica para palmeirenses e turistas. No domingo (5), houve apresentação de dança e música ao pôr do sol, um belo espetáculo.  Para acessar o local, quando houver apresentações, paga-se uma taxa de dois reais que será revertida para manutenção e limpeza.

O Cristo Redentor, na Serra do Goiti em Palmeira dos Índios

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), em parceria com a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH-AL), realizou, recentemente, mais uma ação promocional de Alagoas, em nível internacional, desta feita no Chile, durante o Workshop Partiu Brasil, promovido pela operadora Infinitas Travel, em Santiago. O evento capacitou mais de 200 agentes de viagens para venda dos produtos alagoanos naquele país, e ainda proporcionou a visita de técnicos da Sedetur-AL a algumas agências de viagens da capital chilena, com a finalidade de fomentar o turismo no Estado, alimentando os profissionais com informações técnicas do Destino Alagoas, com seus atrativos culturais, históricos e gastronômicos.

  Contato: ivaldopintodebarros@hotmail.com