Cultura

Alunos de dança do Complexo Teatro Deodoro estreia espetáculo de fim de ano

O balé coreografado por Maria Emília Clark, que há cinco anos mantém projeto direcionado a crianças e jovens alunos das escolas públicas do Estado, será apresentado nesta segunda-feira (11), às 15h

11 de Novembro de 2019, 12:45

Da Redação

Maria Emília Clark, bailarina, coreógrafa e professora, há cinco anos mantém as aulas de dança no Complexo Cultural Teatro Deodoro, no centro da capital, destinadas a crianças e adolescentes que frequentam escolas públicas. Nesta segunda-feira (11), às 15h, o resultado dos esforços tanto da professora quanto dos alunos – que, de resto, são selecionados levando em consideração o “bom desempenho” deles nas escolas – poderá ser conferido no espetáculo “A Missão”, que abrirá as comemorações dos 109 anos do Teatro Deodoro à rua Barão de Maceió, 375 (Praça Deodoro), Centro. A entrada é grátis e o projeto é uma parceria com a Diretoria de Teatros do Estado de Alagoas (a DIteal).

O balé coreografado e dirigido por Emília Clark é baseado em trilhas sonoras clássicas do cinema. “Em 2016, tivemos a produção coreográfica de ‘O Regresso das Borboletas’; no ano de 2018 apresentamos ‘Summa’. Todas as nossas criações são pautadas no processo da formação do bailarino clássico e em projetos coreográficos diversos”, explica a bailarina, informando que os estudantes selecionados “interagem ao longo do ano com todas as atividades do Complexo Cultural Teatro Deodoro, às sextas, sábados, domingos e feriados”.

“Este ano”, diz a professora, “tivemos a programação do nível quatro de formação com 40 crianças e adolescentes, que são beneficiados anualmente de forma gratuita. Após os estudos sobre a música e o cinema, veio o conhecimento de diversos compositores relacionados ao tema. Partimos para ‘A Missão’, do grande Ennio Morricone [da trilha do filme britânico ‘A Missão’, de 1986, estrelado por Robert De Niro], e nos aprofundamos em sua vasta produção de trilhas cinematográficas, como também de diversos contemporâneos dessa temática.”