Especial

Desfile da Emancipação Política de Alagoas reuniu diversas manifestações culturais

Evento contou com desfile de fanfarras das escolas e apresentações de circo, teatro e dança

27 de Julho de 2018, 13:36

 
Em tarde ensolarada, foi celebrada nesta segunda-feira (16), na arena do Jaraguá (região central de Maceió), o Dia da Emancipação Política de Alagoas. Os 196 anos da emancipação política do Estado foram comemorados, desde as 15h30, com fanfarras das escolas municipais e estaduais, além das bandas do Corpo de Bombeiros e Polícia Militar. Diferentemente das celebrações do passado, este ano o desfile apresentou um perfil “teatral”, com performances circenses e de grupos de teatro e dança, entre eles a Associação Teatral das Alagoas (ATA) e a Companhia de Dança Maria Emília Clark.
 
A responsável por esta mudança, a professora e atriz Maria Beatriz Brandão Sá, mostrou-se entusiasmada com o sucesso do desfile. “Foi um trabalho que exigiu muito de todos nós, organizadores, artistas, estudantes. Mas o resultado compensou. Demos outra cara à comemoração do 16 de setembro.”
 
A bailarina e coreógrafa Maria Emília Clark preparando-se para entrar em cena, nesta segunda-feira (16), no Jaraguá
 
Segundo estimativa da Polícia Militar, cerca de cinco mil pessoas assistiram ao evento. As arquibancadas estavam todas lotadas. O governador do Estado, Teotonio Vilela Filho, prestigiou o desfile, cujo slogan era “Alagoas em Cena: Arte e Educação”. 
 
Antes de ingressar na arena, o ator Ronaldo de Andrade, da ATA, explicou a performance do grupo: “Faremos uma apresentação de ‘Estrela Radiosa’, a peça teatral que encenamos tantas vezes em tantos recantos do nosso Estado”. Os dançarinos da companhia de Maria Emília – incluindo a própria – apresentaram trechos do recente espetáculo “Caatinga”, baseado no romance “Vidas Secas” e na experiência artística do escritor alagoano Graciliano Ramos.
 
Atores do grupo teatral ATA posam para o Alagoas Boreal nos bastidores do desfile da Emancipação Política de Alagoas