Especial

Festival da Lagosta promove aula-show com o chef holandês Sandrijn van Hoof na praça de Eventos, em Maragogi

Nesta terça-feira (12), as atrações são a Filarmônica Bom Jesus, de Matriz de Camaragibe, e a demonstração do chef holandês da pousada Praiagogi

27 de Julho de 2018, 13:36

O 4o Festival da Lagosta de Maragogi e Japaratinga prossegue nesta terça-feira (12), com diversas atrações na praça de Eventos de Maragogi, na orla da cidade. Nesta terça-feira (12), o chef Sandrijn van Hoof, da pousada Praiagogi, realiza uma aula-show, a partir das 15h, preparando uma receita especial para o público presente. À noite, às 18h, haverá mostra de filmes, seguida por uma apresentação da excepcional Banda Filarmônica Bom Jesus, de Matriz de Camaragibe, às 19h. Encerrando a programação do dia, às 20h30, o grupo teatral da cidade fará uma apresentação, também ao ar livre.

Vergínia Stodolni entrega troféus aos chefes de cozinha

Na abertura oficial do evento, em Maragogi, no sábado (9), elogiando a organização do evento, o prefeito Henrique Madeira disse ter ficado surpreso com o orçamento de R$ 30 mil apresentado a ele pela secretária de Turismo do Município, Mariana Gorenstein. “Quando Mariana me mostrou o orçamento, tomei um susto”, afirmou o prefeito de Maragogi em tom de brincadeira. Na verdade, o orçamento geral do festival – que trouxe o cantor cearense Santanna para um show na praça de Eventos, na abertura das atividades, no sábado – está em torno de R$ 150 mil. “Para a gente que fazemos o Festival da Lagosta, este ano é como a realização de um sonho”, afirmou a secretária na ocasião, à reportagem do Alagoas Boreal. “Mas queremos mais para o próximo. Mais atrações nacionais para os outros dias que se seguem à abertura e uma estrutura cada vez melhor.”

O Festival da Lagosta é uma realização da associação de hoteleiros e proprietários de restaurantes de Maragogi e Japaratinga, a antiga Ahmaja tornada este ano Costa dos Corais Convention & Visitors Bureau. A prefeitura também patrocina o evento, juntamente com a Secretaria de Turismo do Estado. Vergínia Stodolni, presidente da Costa dos Corais CVB, também fala de sonhos ao se pronunciar sobre o evento. “A ideia é essa. Quando iniciamos, há quatro anos, era um sonho que foi se realizando ano a ano até se tornar no principal evento do litoral Norte. É um momento de festa que se alinha às belezas naturais da região. O festival une os esforços de todos”, disse Vergínia à reportagem, afirmando que há muito tempo as duas cidades, Maragogi e Japaratinga, “buscavam ter um calendário de eventos”.