Especial

Ampliação do sistema de abastecimento vai encerrar rodízio de água em Minador do Negrão e Estrela de Alagoas

Projeto de ampliação do sistema de abastecimento foi apresentado pela Seinfra a autoridades dos dois municípios

27 de Julho de 2018, 13:36

O rodízio de abastecimento de água está com os dias contados em mais dois municípios do semiárido alagoano. Nesta segunda-feira (11), o secretário de Estado da Infraestrutura, Marco Fireman, apresentou o projeto de ampliação do sistema de abastecimento de água de Minador do Negrão (a 169 km de Maceió) e Estrela de Alagoas (distante 150 km). A obra também vai promover melhorias no sistema de Igaci (a 153 km da capital).

A captação, com estação elevatória, será na Barragem do Bálsamo, em Palmeira dos Índios (a 140 km de Maceió), de onde parte uma adutora com 11 Km de extensão. O projeto visa a ampliação da oferta e melhoria da qualidade da água para os dois municípios.

De acordo com o prefeito de Estrela de Alagoas, Arlindo Garrote Filho, a obra é aguardada há muitos anos pela população e vai mudar a realidade na região. “Hoje, nos dois municípios, chega a faltar água nas torneiras por até quatro dias no sistema de rodízio. Com esta nova adutora, a Casal terá mais eficiência no abastecimento", afirmou o prefeito.

Durante a reunião na sede da Seinfra, em Maceió, o secretário Marco Fireman destacou o plano do governo estadual para garantir água a todo o semiárido de Alagoas, e a importância do financiamento pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). “Com as novas adutoras do Agreste, da Bacia Leiteira, do Alto Sertão e outras obras que estão em andamento ou prestes a iniciar vamos abastecer as torneiras de um milhão de alagoanos na região", disse Fireman.