Especial

Audiência pública para licitação dos serviços de transporte urbano atraiu mais de 300 pessoas

Questões como ampliação de itinerário e inserção de novas linhas também foram discutidas

27 de Julho de 2018, 13:36

A prefeitura de Maceió realizou, nesta quinta-feira (30), uma audiência pública para a licitação dos serviços de transporte urbano. De acordo com o site do município, mais de 300 pessoas se fizeram presentes, apresentando questões como ampliação de itinerário, inserção de novas linhas e manutenção e construção de terminais de ônibus – esta última demanda entendida pelos gestores municipais como “ponto recorrente”.

Segundo o informativo oficial, com a definição do consórcio que prestará o serviço de transporte na cidade, as empresas contratadas deverão “zelar pela estrutura e manutenção dos terminais”. Entretanto, enquanto isso não acontece e atendendo ao que a prefeitura chama de “demanda urgente”, reformas de alguns desses terminais já foram iniciadas. Para tanto, mais de R$ 65 mil originários do Fundo de Transporte Urbano (FTU) do município estão sendo investidos. 

“O terminal de ônibus do Vergel do Lago foi reformado em 2013. Já no início de 2014, três ordens de serviço para reforma de terminais foram assinadas. Nos próximos meses, o terminal integrado do complexo Benedito Bentes e os terminais do Mercado da Produção e do conjunto José da Silva Peixoto, no Jacintinho, estarão completamente renovados. Sustentação, cobertura, banheiros, piso dos três serão totalmente reformados”, relaciona a Comunicação da prefeitura.

O superintendente de Transporte e Trânsito, Tácio Melo, afirma que as reformas seguirão o padrão estrutural e visual adotado pela SMTT. “A exemplo do modelo implantado no terminal do Vergel do Lago, que foi o primeiro que nós reformamos”, explicou, informando que “pelo menos dez reformas serão assinadas ainda neste primeiro semestre, com a construção de dois novos terminais até o final de 2014”.