TV Boreal

Diteal realiza vídeo sobre a galeria do Complexo Cultural Teatro Deodoro

Diretoria de Teatros do Estado dá sequência à série de documentários sobre as ações do governo em seus teatros e espaço de artes visuais

10 de Junho de 2020, 09:16

Da Redação

Com espetáculos e visitações à galeria de artes suspensos em função da necessidade de isolamento social nesse período de pandemia do coronavírus, a Diretoria de Teatros do Estado de Alagoas (a Diteal) iniciou uma série de vídeos abordando as diversas áreas de atuação dos dois teatros ligados à instituição (Arena e Deodoro), além das salas de música e balé e da galeria do Complexo Cultural Teatro Deodoro. Desde a semana passada, um vídeo institucional sobre a galeria está disponível no canal Youtube da Diteal e em outras redes sociais, como o Facebook e Instagram. O audiovisual pode ser acessado, também, no site da instituição.

Inaugurado em dezembro de 2014, o Complexo Cultural Teatro Deodoro, localizado à rua Barão de Maceió, 77, no centro de Maceió (ao lado do centenário Teatro Deodoro), compreende uma galeria de artes visuais em espaço térreo e primeiro andar, salas de dança e de música e espaço para reuniões e ensaios. Com um número de 44 exposições realizadas – individuais e coletivas, mostras nacionais etc. –, a galeria se consagrou como um espaço artístico plural e democrático. 

O arquiteto e artista visual Pedro Cabral estreou exposição em outubro de 2019

"O Complexo Cultural Teatro Deodoro se consolidou no circuito artístico de Alagoas, tornando-se um importante espaço para as artes visuais”, atesta a presidente da Diteal, professora e editora Sheila Maluf. “Temos mantido, ao longo dos anos, um calendário intenso de atividades, com excelentes exposições e artistas, em sua maioria alagoanos. É muito gratificante revisitar a história do espaço e ter a certeza de que ele está cumprindo o seu papel. Assim que pudermos, retomaremos a nossa agenda com muita alegria."

Exposições coletiva como a realizada pelos fotógrafos Arthur Celso, Deth Nascimento, Gregory Aguiar, Jorge Vieira, Ulisses Abílio, William Calixto e outros, "Narrativas poéticas"; salões de artes visuais de âmbito nacional; exposições individuais recentes, como as bem-sucedidas mostras dos artistas visuais Eduardo Bastos e Pedro Cabral, e outros eventos culturais marcaram a trajetória desse espaço já integrado à dinâmica dos processos artísticos da capital.

Poeta William Calixto em depoimento do vídeo da Diteal; veja aqui

"No início o poema era um roteiro para a construção das fotos”, o fotógrafo Jorge Vieira explica, no vídeo, o trabalho coletivo de “Narrativas poéticas”. “Depois, os fotógrafos transitaram pelas metáforas e também pelo seu ambiente onírico, até desenvolverem a sua própria poética das imagens." 

Para o poeta William Calixto, “experimentar essa troca, essa conexão entre a poesia e a imagem, é uma experiência que toca profundamente o nosso íntimo".

A artista visual Lu Azul, comemorando 50 anos de carreira, seria a próxima atração da galeria. "Eu comemoro os meus 50 anos de vida artística. Recebi o convite da Diteal para fazer uma exposição com retrospectiva de toda essa trajetória de muita luz, luta, realizações, idealizações e conquistas. A exposição foi adiada para uma data ainda não confirmada porque, diante de tudo que vivemos com essa pandemia, o amanhã é incerto. No começo, senti um pouco de tristeza, depois fiquei mais assustada e aí pensei: já que foi adiada, pode ser ainda bem melhor, mais bonita e produtiva."

Galeria não tem data ainda para novas exposições e abertura a visitações

O gerente artístico e cultural da Diteal, o ator Alexandre Holanda, diz que o vídeo “contextualiza a história da galeria e comenta sobre o momento vivido atualmente”. "O Complexo Cultural Teatro Deodoro veio trazer um engrandecimento para a produção artística e cultural de Alagoas nas suas mais diversas vertentes. Nós temos dois espaços: o primeiro piso e o mezanino. Muitas vezes, temos exposições que ocupam os dois espaços e, em outras, mostras simultâneas. Aqui não é somente a equipe da Diteal que trabalha. Os artistas, produtores, idealizadores trazem as ideias, a gente conversa, produz e realiza – nós somos parceiros. Tenho certeza de que o mais breve possível estaremos aqui juntos e misturados, valorizando a arte e dando aquele abraço, que é o que tem de melhor. A relação do artista com o seu público é única."