Oportunidades

Instituto Banese realiza primeiro edital de cultura em Alagoas

Instituição do banco sergipano tem realizado diversas ações em Sergipe e começa a expandir apoio aos artistas em outros Estados do Nordeste; projetos podem ser apresentados até sábado (29)

24 de Agosto de 2020, 09:03

 

Da Redação

Lançado na segunda semana de agosto, o Edital de Cultura Banese – destinado aos artistas alagoanos ou residentes no Estado há pelo menos um ano – segue com as inscrições abertas até o sábado (29). O concurso tem apoio da Secretaria de Estado da Cultura (a Secult) e, segundo a comunicação do banco sergipano Banese, o objetivo é “manter e divulgar a rica tradição cultural alagoana”, além de “incentivar a produção e premiar artistas locais”. “O edital faz parte de um conjunto de ações de valorização cultural desenvolvidas pelo Banco do Estado de Sergipe, uma empresa cidadã, presente em todos os municípios sergipanos, e atualmente em processo de expansão para o nordeste do país”, explica o informativo enviado à Redação. 

De acordo com o press-release do Banese, o “incentivo” proposto pelo edital “é uma iniciativa que contribui para que os profissionais da cadeia cultural continuem a expressar e desenvolver suas atividades nesse momento em que os espaços de cultura permanecem fechados como medida de combate à disseminação da covid-19”. “O edital é, também, um meio de divulgar e oferecer ao público conteúdos de qualidade artística voltados para o conhecimento e entretenimento.”

'Edital busca apoiar os artistas e valorizar a identidade alagoana', diz Ezio Dêda, do Banese

O concurso está aberto a projetos de música, teatro, circo, dança, artes visuais, literatura (leitura, contação de história, recitação), audiovisual, artes integradas e expressões culturais populares. Serão premiados 70 projetos. Desses, uma cota de 20 é reservada aos artistas de grupos de cultura popular. O prêmio para cada artista selecionado é de R$ 1 mil e os vídeos premiadcos serão exibidos no canal YouTube do Instituto Banese e da Secretaria de Estado da Cultura (AL).

O superintendente do Instituto Banese, Ezio Dêda, diz que a iniciativa do banco traz para Alagoas “uma experiência bem sucedida” realizada em Sergipe. “Esse edital busca, mesmo em meio a um momento crítico, dar continuidade ao fazer cultural, apoiar os artistas e valorizar a identidade alagoana."

As inscrições podem ser feitas acessando o site do Instituto Banese, que dispõe de todas as informações referentes a critérios de participação e seleção, documentação necessária, cronograma com as etapas da seleção, especificações técnicas dos produtos digitais e premiação, além do passo a passo para envio dos arquivos referentes aos documentos e projetos. “O resultado será divulgado no dia 21 de setembro através das redes sociais do Instituto Banese. Para mais informações, entrar em contato exclusivamente através do e-mail projetos.mgs@institutobanese.org.br”, destaca a comunicação do Banese.