Especial

'Renda-se' é desfile de moda que valoriza o bordado do filé

Evento idealizado pela produtora cultural Mirna Porto Maia, com patrocínio do Magazine Luíza, acontece nessa quinta-feira (24), a partir das 20h; será exibido on line, gratuitamente, pelo canal do projeto no YouTube

23 de Setembro de 2020, 08:54

Da Redação

Nessa quinta-feira (24), acontece o desfile “Renda-se – 1ª. Mostra de Moda Alagoana”, com transmissão ao vivo pelo canal do projeto “Renda-se” no YouTube. O evento, envolvendo dez estilistas, dez profissionais de maquilagem, 50 modelos e 23 rendeiras, será realizado na capital no Espaço Armazém, no bairro central do Jaraguá, a partir das 20h. Também será exibido pelo canal mexicano SayYeahTV, com apresentação de Gabo Ramos e Octávia Porto. “O canal tem alcance em vários países da América Latina, como Colômbia, Argentina e Peru, além dos Estados Unidos”, explica o informativo enviado à Redação.

Mirna Porto: 'Valorização do artesanato por jovens estilistas'/ Foto/ Felipe Camelo

Segundo a comunicação do projeto “Renda-se” – idealizado pela arquiteta e produtora cultural Mirna Porto Maia e realizado pela produtora Ponto de Produção, com patrocínio do Magazine Luíza por meio da Lei de Incentivo à Cultura –, a ação "é um grande desafio”. Para a equipe responsável, trata-se de “uma missão”, que possibilitará ao público “acesso democrático à cultura”, além de gerar "trabalho para dezenas de artistas”. De acordo com o press-release dos produtores, foram respeitadas todas as medidas de segurança recomendadas pela Organização Mundial de Saúde.

Fábio Costa: 'O balé das tramas se torna obra de arte'

Mirna Porto, que ficou responsável, também, pela curadoria das coleções, diz que a ideia é "trabalhar a valorização do artesanato por jovens estilistas, por criadores, explorando as possibilidades infinitas que o produto artesanal possui”. “Hoje, apesar de tudo, ainda é um produto desconhecido, desvalorizado.”

O desfile vai apresentar dez coleções inspiradas no trabalho das mulheres rendeiras, que criaram um bordado único no Brasil: o filé, cuja produção faz referência quase que exclusiva ao bairro do Pontal da Barra, no litoral norte de Maceió. As peças das coleções foram criadas por dez estilistas da nova geração em parceria com essas tradicionais rendeiras alagoanas – ao todo 23 artesãs. O projeto conta, ainda, com a parceria da Escola Técnica de Artes (a ETA) da Ufal e do Instituto do Bordado Filé de Alagoas.

A comunicação do “Renda-se” afirma que o projeto que estreia nessa quinta-feira “dá continuidade às ações fomentadas pelo Magazine Luiza em Alagoas, criando mais um evento que deve se consolidar na agenda cultural do Estado”. O responsável pela área de patrocínios da rede varejista, Fábio Costa, diz que o projeto dá “protagonismo ao trabalho manual e à sua relevância para a cultura alagoana”. “Acredito que o objetivo, além da moda, estilo, conceito, é a valorização fiel da arte que as rendeiras fazem, esse balé das tramas que aos poucos se tornam uma obra de arte.”