Especial

Editora Graciliano Ramos leva o prêmio de design editorial no 'Brasil Design Award'

'Coleção Romeu de Avelar' com três livros, destacou-se entre os mil e 500 projetos inscritos; designer Roger Ferraz afirma que buscou demonstrar 'o caráter destemido' do autor das obras

11 de Dezembro de 2020, 16:08

Da Redação

A Imprensa Oficial Graciliano Ramos foi uma das vencedoras da décima edição do prêmio “Brasil Design Award – BDA’20”. O concurso, organizado pela Associação Brasileira de Empresas de Design (Abedesign), existe desde 2009. “O resultado do prêmio foi divulgado na quarta-feira (9), durante uma transmissão ao vivo. A ‘Coleção Romeu de Avelar’, criada pelo designer gráfico Roger Ferraz, ganhou bronze na categoria “Design editorial”, informa a comunicação da editora Graciliano.

O prêmio é dividido em dez categorias: “Branding”, “Craft for Design”, “Design de Ambiente”, “Design de Embalagem”, “Design de Impacto positivo”, “Design de Produto”, “Design de Serviço”, “Design digital”, “Design editorial” e “Design gráfico”. Outras subcategorias somam um total de 72 premiações que, segundo o informativo da Graciliano enviado à Redação, “buscam representar o cenário do design nacional”.

'Objetivo era popularizar a obra do autor', diz Ferraz

“Com um projeto gráfico impactante”, afirma o press-release da editora, “a ‘Coleção Romeu de Avelar’ se destacou entre os quase mil e 500 projetos inscritos.”

A Graciliano levou o troféu de bronze na subcategoria “Design editorial – Livro”. Os três livros da coleção – “Calabar”, “Os Devassos” e “Tântalos” – já estavam fora de catálogo, tornando relevante as edições da Graciliano, lançadas na 9ª. Bienal Internacional do Livro de Alagoas, em 2019.

O designer Roger Ferraz diz que o objetivo era “popularizar a obra do autor”. “As capas dos livros precisavam contar com elementos figurativos, que possibilitassem uma relação rápida e direta entre imagem e conteúdo. Além disso, queríamos traduzir, também, o caráter destemido de quem os escreveu. Sendo assim, nas capas, além das imagens de fundo – gravuras, fotografias e pinturas –, existem elementos gráficos que interagem com os títulos e demais conteúdos de texto.”