Cultura

'Zumbi dos Palmares entre Duas Princesas' é balé sobre a luta dos negros pela liberdade

Produção afirma que espetáculo que estreia em Maceió nesta sexta-feira (12) revisita o passado 'para construir um futuro melhor'

12 de Novembro de 2021, 15:36

Da Redação

Estreia em Maceió nesta sexta-feira (12), às 20h30, o espetáculo de dança “Zumbi dos Palmares entre Duas Princesas”. A produção da Duetos Eventos, que tem direção e coreografia de Barbara Samille, será apresentada no Teatro Deodoro à rua Barão de Maceió, s/n, Praça Marechal Deodoro, centro da capital. Os ingressos custam R$ 25 e R$ 50.

“A produção resgata e une momentos da história da luta pela conquista da liberdade dos negros escravizados no Brasil”, diz Barbara Samille. Segundo ela, “Zumbi dos Palmares entre Duas Princesas”, mistura ritmos “que vão do popular ao contemporâneo”.

'Zumbi dos Palmares entre Duas Princesas' é uma coreografia de Barbara Samille

“Dá ênfase em três momentos pontuais da história: a chegada da princesa Aqualtune vinda da África, avó de Zumbi dos Palmares, uma guerreira escravizada no Brasil e a primeira integrante da linha ascendente dele no país. No segundo momento, traz as conquistas e batalhas de Zumbi  pela Liberdade e, em  1888, no terceiro momento do espetáculo, acontece o fechamento com a princesa Isabel assinando a Lei Áurea, dando aos negros brasileiros o resgate do direito natural à liberdade.”

Para a produtora Dercione Galindo, “às vezes é importante revisitar o passado para construir um futuro melhor”. “Sem jamais”, argumenta, “perder o poder da reflexão. Só assim poderemos construir uma raça simplesmente humana.”

Atuam no espetáculo os bailarinos Sueli  Ferreira, Wellington Nascimento, Karina  Calheiros, Taísa Albuquerque, Vanessa Marques Lima, Wesney Roodson, Pedro  Walison, Maria Gorette e Barbara Samille Lins.

A produção de “Zumbi dos Palmares entre Duas Princesas” foi viabilizada com recursos da lei emergencial Aldir Blanc.